D-SUP (Declaração Eletrônica das Sociedades de Profissionais)



22/09/2015




D-SUP (Declaração Eletrônica das Sociedades de Profissionais)

São Paulo, 22 de Setembro de 2015.

 

As pessoas jurídicas localizadas no município de São Paulo e enquadradas no regime especial de recolhimento das sociedades profissionais (SUP), deverão entregar, via sistema informatizado, a Declaração Eletrônica das Sociedades de Profissionais – D-SUP. A empresa constituída pelo regime de SUP que exercer uma das atividades abaixo estarão dentro desta nova obrigação:

- Engenharia, agronomia, arquitetura, urbanismo e congêneres

- Agrimensura, geologia e congêneres

- Advocacia

- Auditoria.

- Contador, técnico em contabilidade, guarda-livros e congêneres

- Economistas

- Medicina e biomedicina

- Análises clínicas, patologia, eletricidade médica, radioterapia, quimioterapia, ultra-sonografia, ressonância magnética, radiologia, tomografia e congêneres

- Enfermagem, inclusive serviços auxiliares

- Fisioterapia

- Fonoaudiologia

- Terapia ocupacional

- Obstetrícia

- Odontologia

- Ortóptica

- Próteses sob encomenda

- Psicologia, clínica ou não

- Medicina veterinária e zootecnia

Nesta declaração serão prestadas informações sobre a empresa e suas atividades. Tais informações serão destinadas à verificação da regularidade do enquadramento como SUP. Existindo alguma irregularidade, a empresa estará condicionada ao desenquadramento do regime especial ficando devido com o Imposto Sobre Serviço (ISS) sobre faturamento a partir da data de ocorrência da irregularidade.

O ISS devido apurado no momento da declaração será regularizado pelo Programa de Regularização de Débitos (PRD) criado através da Lei 16.240/2015, mesma legislação que instituiu a nova obrigação.

Valores apurados nesta declaração resultantes até R$ 1.000.000,00 (Um Milhão de Reais) serão anistiadas. Os valores excedentes poderão ser parcelados em até 120 vezes com desconto de 80% nos juros e multa. Contribuintes que optarem pelo pagamento em parcela única o desconto será de 100% nos juros e na multa.

O sistema D-SUP estará disponível a partir do dia 21/09/2015 no endereço eletrônico https://dsup.prefeitura.sp.gov.br. Em caso de dúvidas a Prefeitura de São Paulo estará recebendo mensagens no e-mail duvidas.dsup@prefeitura.sp.gov.br.

Atenciosamente,

 

Equipe Terceirização Contábil.




Deixar de pagar imposto declarado não é crime fiscal, é inadimplência, decide STJ
Optantes pelo Simples Nacional podem aderir ao Parcelamento Especial de débitos (PERT)
A Partir de Julho Todas as Empresas Com Funcionários Estarão Obrigadas ao eSocial
Psicólogo, será que você deve abrir uma empresa (CNPJ)?
Autorizada cobrança de contribuição sindical mesmo após reforma trabalhista


Mídia Marketing - 2013
Setor de Programação